Setenta mil jovens já foram beneficiados pelas ações promovidas pela Prefeitura de Campo Grande.

Setenta mil jovens já foram beneficiados pelas ações promovidas pela Prefeitura de Campo Grande.

SETENTA MIL JÁ FORAM BENEFICIADOS PELAS AÇÕES PARA A JUVENTUDE.


Setenta mil jovens já foram beneficiados pelas ações promovidas pela Prefeitura de Campo Grande, por meio da Subsecretaria de Políticas para a Juventude (Subjuv).  Mais 400 formandos dos Cursos do Telecentro da Juventude e de Capacitação Profissional receberam certificados e houve ainda a posse dos membros do Conselho Municipal de Juventude, reforçando a importância de políticas públicas voltadas para a formação psicossocial e de trabalho dos jovens.


O prefeito Marquinhos Trad destacou as atividades desenvolvidas pela subsecretaria como os programas Ação Jovem, Curso de Capacitação Profissional, Telecentro da Juventude, Cursinho Levanta Juventude e a Feira da Empregabilidade. Ele ainda pontuou que estão sendo implantados os cursos dos programas Estação Juventude, Barbeiro e Cabeleireiro e Especialização em Atendimento e Vendas.


Conforme o prefeito, esse é um momento que há muitos anos Campo Grande não testemunhava.


“A reorganização de um conselho municipal da juventude é primordial, porque sem planejamento para as políticas públicas para a juventude é como se vocês pegassem um arco e uma flecha e atirassem sem rumo algum. Essa flecha pode cair em qualquer lugar, inclusive em sua própria cabeça”, disse.


Já o subsecretário de Políticas para a Juventude de Campo Grande, Maicon Nogueira, frisou a importância da composição do CMJ para o desenvolvimento do município.


“Uma subsecretaria como a nossa sem um CMJ ativo, tem alguma coisa errada, e hoje eu quero fazer uma saudação especial para todos aqueles que vão marcar, não somente nos próximos anos como conselheiros, mas a própria vida. Porque servir a juventude da sociedade é sinônimo de vocação”.


Mais 400 pessoas prestigiaram o evento que marcou a diplomação dos novos conselheiros, que farão parte do Conselho Municipal de Juventude (CMJ), onde 12 entidades do setor público e 12 órgãos não governamentais atuarão na fiscalização e na construção de políticas públicas voltadas para os jovens. Os titulares e suplentes de cada uma das organizações assinaram o termo de posse e passarão a contribuir com o desenvolvimento das ações para os jovens em todo o município.


A vice-prefeita, Adriane Lopes, o secretário municipal de Governo e Relações Institucionais, Antônio Lacerda, o secretário-adjunto da Secretaria Nacional de Juventude, Diego Antonio, o vereador Betinho, a subsecretária de Políticas para as Mulheres, Maritza Cogo, o procurador do Trabalho do Ministério Público de Mato Grosso do Sul, Paulo Lucas Almeida de Moraes, a diretora-presidente do Instituto Mirim de Campo Grande, Cláudia Carneiro, e a presidente da fundação Ulisses Guimarães, Maria Emília Ramalho Sulzer também participaram do evento.


Mais de 15 programas


A Subsecretaria da Juventude tem cerca de 15 programas que atendem as pessoas com idade entre 15 e 29 anos de todas as regiões da capital, levando qualificação e proporcionando que os jovens tenham oportunidades para escolherem novos caminhos. As ações desenvolvidas pela Subsecretaria fazem parte de uma política que marcará positivamente os jovens.


Para o subsecretário Nogueira, não é possível colocar as ações da Subsecretaria em uma vala comum de quem quer fazer política por motivos pessoais. Ele ressaltou ainda que as atividades são obrigação do poder público.


“Dos vários jovens que passaram pela Subsecretaria de Juventude, tenho certeza que marcamos eles com mais do que um certificado. Marcamos eles com uma oportunidade. Para mim e para minha equipe essa noite é motivo de orgulho porque estamos concretizando e entregando para a sociedade algo que é fundamental quando se fala de política pública para a Juventude”, finalizou o subsecretário.


Comentários