Puccinelli preso e sem previsão de sua soltura, MDB reafirma Simone como candidata ao Governo.

Puccinelli preso e sem previsão de sua soltura, MDB reafirma Simone como candidata ao Governo.

Reunião entre lideranças do MDB, realizada no fim da manhã desta sexta-feira (3), na casa de Simone Tebet, em Campo Grande, reafirmou a candidatura dela ao Governo do Estado. A senadora foi indicada pelo ex-governador André Puccinelli, que desistiu da candidatura por estar preso desde o dia 20 de julho.


Prefeito de Costa Rica, Waldeli Rosa disse que o encontro também teve objetivo de esclarecer rumores de que Simone desistiria da pré-candidatura. “Nós reafirmamos a candidatura da Simone, nunca houve desistência”, afirmou.


Waldeli também afirmou que a escolha do vice que concorrerá na chapa ao Governo ainda não foi definida, mas que “com certeza” o espaço será destinado a políticos de outros partidos que participam da coligação do MDB.


Participaram da reunião lideranças como os deputados Eduardo Rocha, Renato Câmara, Marcio Fernandes, Antonieta Amorim e o senador Waldemir Moka.


O grupo segue para reunião na sede do partido com prefeitos do interior do Estado. O objetivo do encontro é alinhar o apoio dos prefeitos ao nome de Simone.


Emedebistas aguardam ainda o julgamento de um Habeas Corpus favorável ao ex-governador André Puccinelli no STF (Supremo Tribunal Federal).


Fonte: Jornal Midiamax


Comentários