‘Pavão Misterioso’ começa a detonar esquema macabro da esquerda.

‘Pavão Misterioso’ começa a detonar esquema macabro da esquerda.

Glenn Greenwald, do IntercePT encontrou um adversário a altura que está “caindo de pau” na esquerda. Em nome da “liberdade de imprensa”, Glenn Greenwald está publicando supostas mensagens trocadas pelo então juiz federal Sérgio Moro e procuradores da Lava Jato.


 


Agora, os partidos da esquerda caíram no mesmo esquema e querem que a Polícia Federal identifique o hacker “Pavão Misterioso” que está publicando em doses homeopáticas o esquema da venda do mandato de Jean Wyllys (PSOL-RJ) para Davi Miranda, marido de Glenn Greenwald. _


O “Pavão Misterioso” prometeu igualar o jogo e partiu pra cima da esquerda. Através das redes sociais, o “Pavão” vai divulgar neste domingo (7), mais de 200 prints de conversas comprometedoras envolvendo o jornalista Glenn Greenwald, seu marido David Miranda (deputado federal pelo PSOL), o também deputado do PSOL Marcelo Freixo e o ex-deputado Jean Wyllys.


Também foi citado o nome do editor do The Intercept, jornalista Leandro Demori e o deputado petista Paulo Pimenta.


O conteúdo, segundo o hacker, é bombástico e revela a trama para a compra do mandato do ex-deputado Jean Wyllys, que se refugiou na Europa.


Trechos de supostas conversas entre David Miranda e Jean Wyllys foram publicadas através do perfil do hacker no twitter.


Nos corredores de Brasília, as apostas indicam que a venda do mandado foi para isolar Jean Wyllys do caso de Adélio Bispo, o homem que esfaqueou o então candidato a presidente Jair Bolsonaro. Marcelo Freixo já demonstrou estar desesperado.


O ‘Pavão Misterioso’ disse se tratar de um ‘aperitivo’ e novas mensagens comprometedoras ainda estão por vir.


 



 




Comentários