Número de professores com transtornos mentais dobra no Brasil.

Número de professores com transtornos mentais dobra no Brasil.

O número de professores afastados por transtornos mentais ou comportamentais nas escolas estaduais de São Paulo quase dobrou em 2016 em relação a 2015: foi de 25.849 para 50.046. Segundo dados obtidos pela Globonews, por meio da lei de acesso à informação, até setembro de 2017, 27.082 professores se afastaram.



O número de 50 mil afastados em 2016 representa 37% do total das licenças médicas pelas mais diversas causas.




Agressões físicas, verbais e até ameaças atingem professores em todo os estados de São Paulo. Um programa da Secretaria Estadual da Educação de São Paulo treinou profissionais para mediar os conflitos na rede pública do estado.



Comentários